Páscoa

24 de março de 2009

Adoro. Todos os aspectos da páscoa são bons:o divino e o profano,creio que ambos não afrontam a ninguém.
Exceto pelo cheiro de peixe…mas nada é perfeito,o preço do chocolate e do bacalhau…porém…
Façam chocolate!mudem o peixe,até torta de sardinha e bolo de chocolate valem,só não dá é mais uma vez não refletir sobre vc ,o mundo e o que vc pode fazer por ele.
Afinal Jesus não é lembrado à toa,não?

Anúncios

E onde estás carnaval?

23 de fevereiro de 2009

Eu destesto carnaval,mas adoro a alegria do carnaval.

É uma chance de dourar”Realce,quanto mais purpurina melhor…” ,se maquiar diferente,mascarar-se e não exibir o que há de pior.

Absolutamente não estou falando em bebedeiras ,gente sem roupa,confusão e tantas coisas estranhas que acontecem por aí.
Culturalmente cada festa nos impõe um espírito,porém,cabe a nós decidir o que fazer com esse espírito e no quê transformá-lo. Carnaval tornou-se sinônimo de desordem,Por Deus!

De acidentes,de luxúria e gente aproveitando-se para mostrar seu pior lado.

E então,algumas pessoas não tem apenas medo do carnaval,começam a ficar com medo de feriados.

De quem é a culpa?de todos.

A mídia(falada e escrita) dá atenção total a desgraças,a nudez,ao bizarro e falta uma enfase maior ao criativo,saudoso,belo,carente de agressividade.

Não estou falando de puritanismo,fim dos trios elétricos,escolas de samba(que me perdoem,mas,baterias são iquase iguais,sambistas gritando também… )ou de roupas mais fresquinhas(que roupas mesmo?),no entanto tudo demais é veneno,não?

E de nós que ligamos a tv,ávidos para saber.

A culpa é das Marias vai com as outras que fazem o que dá na telha.

Perdão!

24 de janeiro de 2009

Não quero no momento organizar os pensamentos (quando houver) em categoria nenhuma;

CONTRADITÓRIO?

Embora a organização seja de fundamental impotância se os conteúdos forem misturados,afinal até agora estamos só fazendo reflexões, o blog vai virar uma salada de frutas,azeda!

Mas,é lógico que como o bom senso tem de prevalecer as categorias tem de ser criadas.

E como será o ano novo?

26 de dezembro de 2008

E como será o ano novo?

Passagem contínua do tempo,apenas marcada pelos 365 dias que obrigam o ser humano a fazer uma parada,deveria ser um feriado para recarregar as baterias.

Como o branco simboliza a pureza não é de se surpreender que este seja a cor eleita já que ninguém quer começar o ano com a vida riscada,suja,mal resolvida.
Pular sete ondas(costume africano que significa se libertar dos obstaculos),também é muito usado.
A comida também carrega diversas simbologias,umas representam fartura,outras fecundidade,reprodução,etc.

E quem sente depressão de fim de ano?
A morte do ano chega obrigando você a lembrar de finais,de coisas inacabadas ou até dos anos velhos que não voltam mais.

Para os esfuziantes,haja recomeço!mesmo que seja para cometer os mesmos erros outra vez.

Para os céticos,como não poderia deixar de ser,a eterna desconfiança.

Para os que pensam de verdade,olhos no futuro,bons referenciais do passado e movimentação no presente.
São as várias caras,vestes,rituais e banquetes de fim de ano.
Que emendam com o começo.

Tarefas chatas?

16 de dezembro de 2008

Bem vindo(a) a uma miserável tarefa chata,aquela que vc faz com ódio ou empurra com a barriga(difícil saber o que é pior),porém a desgraçada(às vezes nem tão desgraçada assim) tem de ser feita.

Existem algumas soluções a seguir para as insolúveis:
A velha fórmula,FAÇA LOGO E SE LIVRE(quando ela acabar você se sentirá mais forte).
Que essa seja sua primeira tarefa.
Estabeleça um prêmio para quando terminar(de qualquer tipo).
Se for uma tarefa enorme ,faça todo dia um pouco.

Dá certo,basta haver disciplina,são fórmulas velhas,mas vale a pena tentar.
É importante descobrir o porquê de você odiar tanto a tarefa.

Para quê o esforço ?

13 de dezembro de 2008

Por que se organizar?

Por que a organização diz muito sobre você,porque tem poderes sobre a auto estima,porque lhe ajuda a atingir metas.

Porque o universo é o caos organizado,simplesmente…

Nada está ao léo.

Princípios

13 de dezembro de 2008

Se você não vive de acordo com seus princípios(princípios esses que não precisem danificar a vida dos outros para que você seja feliz)cedo ou tarde seu corpo e consequentemente sua alma irão pagar por isso.
Não há como ignorar que viver quase sempre num ritmo tenso,obedecendo a espectativas que…de onde vêm?

O dia do aniversário.

2 de dezembro de 2008

É o dia da minha auto-avaliação,péssimo dia para isso,mas, enfim…;o dia do nascimento verdadeiro ,creio ser o dia em que realizamos algo,que compramos ou ganhamos algo que queríamos há muito tempo,o dia em que somos sinceramente felizes por qualquer coisa ou simplesmente por coisa nenhuma!

Compartilho com todos feliz dia de aniversário,porque,por mais que se argumente o dia do aniversário tem de existir,tem de haver aquele dia em que Deus disse pra vc :”Desce e arrasa!”

MICHAEL JACKSON

8 de julho de 2009

Michael Jackson

É,pior que o thriller assustador dele só sua morte;mesmo haendo sido com remédios,passados pelo médico,um horror.
E já deu para perceber logicamente que eu sou fã de Peter Pan.
Bem que entamos uma eplicação racional para morte,mas não dá.
Ora é científica ,romântica,especulativa…a verdade é que dói.
Michael Jackson não nos passou uma imagem de morte,nem mesmo em thriller,e lembrem,era só uma brincadeira ali.
Quem conhece seus trabalhos solo,observam qu seu objetivo era a grandiosidade mesmo,a idolatria.
Não era isso que o cansava…a estátua de não sei quantos metros,gente gritando fanaticamente e desmaiando…
O que o cansava?
Eu acredito que ele era resolvido como artista,mas como ser humano,acho o que a maioria acha.
Nunca se resolveu…nem mesmo tudo que o dinheiro poderia comprar e deixá-lo feliz desfez os enormes nós na cabeça dele.
Quem era de verdade aquela família dele?não eu nem pergunto do pai…pelo pouco que se viu na mídia até dá para imaginar.
O seriado dos Jacksons Five, por outro lado,manipulável,nada diz.
Com tanto dinheiro,reconhecimento,vítima de inveja,certamente com um punhado de lembranças más na cabeça,só mesmo uma terra do nunca para se esconder e viver feliz.
Porque todos tem fantasia de isolamento e de poder.
Ser rei é um rsponsabilidade enorme,mas poucos querem abrir mão do cargo…ser peter Pan também…
Quantos conseguem admitir que gostariam de ficar meses fazendo tudo o que quisesse para recarregar as energias e depois voltar e ser carregado?
As fantasias de poder e regressão tem apenas uma roupagem diferente.
Aqueles que não dão o braço a torcer para o seu lado infantil de jeito nenhum,vai que pode até ser coisa de fracote,hem?
E a fantasia de poder?
Muitos vão dizer:não era só fantasia de poder,era exibicionismo.
Ora,mas seria uma idiotice com aquela dança maravilhosa e aquela garganta afinada não aparecer para o mundo!
Com a imagem que passou,Michael Jackson era tão grande,que sua morte,soa quase como um insulto à nossa própria mortalidade.
Não porque sejamos melhores ou piores que ele,mas porque não existe nada tão interessante quanto tudo que ´documentado de uma pessoa,seus atos,seu tipo,e por décadas,ainda mais quando essa pessoa,por mais que tentem desnudá-la é contraditória e incógnita.
Diga-nos MJ,vc nos traiu ou suas dores(físicas,emocionais) o enganaram?
Seja como for,sentimos saudade. Vc era único.
Mas esperamos que apareça alguém tão bom quanto,que nos provoque os mesmos sentimentos.

Eu detesto

5 de julho de 2009

EU ODEIO E É INEVITÁVEL.TODO MAL TEM SUA RAIZ,NÃO SE ODEIA DO NADA.
MESMO LIMO,SEM RAIZ,TEM ORIGEM.
EU DETESTO FULANO,SICRANO.
EU DETESTO.ODEIO MESMO.
MAS QUEM QUER FICAR COM ESSA FORÇA POTENTE QUE POR VEZES JULGAM MOTIVADORA?
PODE ATÉ SER…MAS,NO MEIO DO CAMINHO IMAGINE A DOR.
Acima de tudo qdo o nome do objeto é citado…o meu sangue parece esquentar.
Eu,que sou tão calma,súbito dentro de mim,habita outra.
Escuridão total antes da erupção…e finalmente,os estragos no meu eu,até que o ser pague o que fez.
O problema é que parece que algumas vezes ele não vai pagar.
Ela não vai pagar e por isso acima de tudo o ódio se intensifica.
Será que em determinado momento a culpa também não foi sua?
E se você tiver certeza de que não foi?
E se apenas um lado era justo mesmo e o outro era só egoísta?
E sendo que,para esses casos não se vai a justiça pedir idenização por danos psicologicos,morais?
É…se o ódio lhe cegou,no máximo você tem a Deus,pois sua própria pessoa é duvidável uma vez que está acorrentada em sentimentos tão quentes que volta e meia podem até lembrar um calabouço no inferno.
O que me faz lembrar:quem mesmo deveria estar ali?
E quando o seu inimigo para piorar é uma pessoa bem sucedida?
Quando o detestado sabe e se envaidece,afinal,pode haver inveja escondida e inveja é admiração…
Mas…quando vc simplesmente não existe para ele…

Você não consegue colocar o gênio do mal de volta ao local de onde ele nunca deveria ter saído,porém,o seu poder é tão forte que pode até não ter atingido aquela coisa,no entanto,colocou a si próprio naquele local terrificante:se aquele local foi criado para receber hospedes e não foi destivado,oras,o vazio tem de ser preenchido,mesmo que o prejuízo final seja o seu.
Você ou eu poderíamos aproveitar nosso tempo fazendo outras coisas,muitas coisas:coisas produtivas como dizem por aí.
Ninguém pode dizer que seu problema é falta de foco,você sabe bem qual o seu alvo.
O problema é:se apenas este é o seu alvo você está lascado,pode ser que sobre pouco tempo depois que vc venha a conseguir a tal vingança.
E se não conseguir?virou um ramster,adoeceu ou lascou-se.
Essa é só a parte um da História…ou histórias.

Ai,que saco!

24 de janeiro de 2009

Quando você está esmagado pelo cotidiano e não consegue pensar em mais nada,só há uma solução:pense de novo(por mais doloroso que isso seja)pois é possivel que no exercício de reavaliação da sua organização(nisso incluindo seus valores a respeito da vida)e certo que vc vai descobrir o que vale a pena e o que não,quem vale a pena e porquê,quando isso ou aquilo…

O que rasgar ,jogar fora,mandar um vtnc(catar coquinho) para quem lhe atormenta,abraçar quem merece, doar,trocar e adquirir,dormir,comer direito,meditar,trabalhar.

Como você vai passar a vida inteira fazendo isso,pode descansar agora.

“Tam tam”das idéias…

24 de janeiro de 2009

Se você está desorientado,como eu estava aliás,como escrevi antes,recorra a auto-análise.

Quem sou eu mesma pra falar dessas coisas?psicóloga? não!embora seja adepta e acredite nos poderes de certas terapias,organizadora de alguma coisa?da minha própria vida,a parte em que Deus deixa comigo.

Só alguém querendo trocar experiências e sejam bem vindos todos,pois adoro sugestões ,relatos e críticas construtivas.  Avante!

Há oito meses prometi fazer a minha e ia deixando sempre por último para qualquer hora que tivesse saco.

E sabem por que,não é?

A gente sempre se defronta com fatos desagradáveis,situações  que precisam ser mudadas e outras que precisam mesmo serem aceitas,críticas que nos fizeram e precisamos avaliar e até acerto de contas em determinadas situações!

Essas coisas atrapalham a vida pessoal,profissional e muito!

No exercício da parada ou da escrita num diário, se vc preferir é muito eficiente na maioria das vezes,pois convida o inconsciente a se reestruturar e agir em consonância com o consciente.

Exercício da escrita,por quê?

Escrever é um trabalho como qualquer outro e neste exercício seu cérebro pode extrair conceitos,tomar decisões,dar descarga em ideias erradas e principalmente gravar e arquivar.

Embora vc muitas vezes não lembre do que escreva(alguns não lembram e é impossivel lembrar de tudo mesmo,pra isso existem agendas)o registro invisível está lá.

Infelizmente nem sempre uma auto análise só basta,porque com as atribuições do cotidiano o cérebro tem coisas imediatas com o que se preocupar,acontece que auto- análise vai influir nesses deveres,prazeres,seja lá o que for,já que (oh, grande novidade!):a auto análise é VOCÊ!

Determine prazos para fazer isso(embora eu tenha falhado),se acontece algo que vc não possa resolver faça-a imediatamente,é a auto terapia vivida na prática,sem gastar dinheiro.

Gasta tempo é lógico,mas o desequilibrio causa uma perda maior de tempo e a hipocrisia também,comentarei isso em outro post.

Abraços.

Como começar?

20 de dezembro de 2008

Primeiro:anote o que é urgente. Urgente é coisa que não pode esperar de maneira alguma. É essencial.

Importante:pode esperar,mas mas às vezes tem de ser imediato.

Rotineiro:tarefas de todo dia ou esporádicas ,mas que não acontecem de surpresa,podem ser planejadas.